Dia internacional da mulher e as Master Chefs na Brastemp Experience

2020-03-09T10:48:57

<p>No dia internacional da mulher, conheça as Masterchefs que passaram pela Brastemp Experience: Elisa Fernandes, Heaven Delhaye e Irina Cordeiro.</p>

Dia internacional da mulher e as Master Chefs na Brastemp Experience
<p>Na semana em que comemoramos o Dia Internacional da Mulher, vamos enaltecer as masterchefs que passaram pela Casa da Brastemp Experience e nos inspiram com histórias incríveis e pratos únicos.</p> <p>O Dia Internacional da Mulher é uma data dedicada a homenagear as realizações das mulheres ao longo da história e em todo o mundo. É um dia para mulheres de diferentes origens e culturas se unirem para lutar pela paridade de gênero e direitos das mulheres.</p> <p>Cozinhar profissionalmente é uma aptidão que engloba comprometimento e trabalho duro, juntamente com horas ilimitadas de treinamento &#8211; um desafio que as chefs do gênero feminino enfrentam, apesar dos preconceitos.</p> <p>A relativa escassez de mulheres na cozinha profissional ainda é atribuída ao rigor físico, às horas difíceis, à energia altamente necessária e aos desafios de combiná-la com a vida familiar. As mulheres já foram associadas às cozinhas muitas vezes apenas com intuito de alimentar a família.</p> <p>Entretanto, hoje, vemos o sucesso de muitas chefs de cozinha no Brasil e no mundo todo. A Casa Brastemp Experience teve o prazer de receber o talento das masterchefs e muito de suas especialidades e suas histórias.</p> <p>&nbsp;</p> <p><img src="http://brastempexperience.s3.amazonaws.com/wp-content/uploads/2020/03/dia-da-mulher-chefs.jpg" alt="dia-da-mulher-chefs" /></p> <h2>Elisa Fernandes</h2> <p>Foi a primeira mulher campeã do MasterChef Brasil, com 24 anos.</p> <p>Natural de Ribeirão Preto (SP), a gastronomia entrou na vida da Elisa quando ela era assistente de professora em uma escola que prezava muito pela alimentação das crianças. Lá, era sua responsabilidade preparar o alimento para os alunos. Além disso, tinha um projeto cultural paralelo em que a cozinha era uma de suas tarefas também &#8211; foi assim que começou a colocar a mão na massa.</p> <p>Elisa gosta de apostar e dar sabor ao clássico, como é o caso do Romeu e Julieta revisitado &#8211; a sobremesa que estava no seu menu campeão.</p> <p>Depois de vencer a competição, foi estudar em Paris, onde trabalhou no restaurante de Alain Ducasse, um dos chefs mais prestigiados da França.</p> <p>Ela conta que chegou lá sendo a única mulher da equipe de gastronomia, o que retrata uma realidade comum das cozinhas profissionais. Entretanto, quando saiu do restaurante, a equipe já contava com muitas outras &#8211; sinal de que as coisas estão mudando!</p> <h2>Heaven Delhaye</h2> <p>Heaven nasceu em Petrópolis, mas mudou-se, ainda muito nova, para Florianópolis. Filha de mãe francesa e pai português, sempre teve um contato muito grande com a culinária européia, principalmente dentro do bistrô de sua família.</p> <p>Assim que completou a maioridade, seguiu em uma viagem pelo mundo com intuito gastronômico e pôde fazer workshops em diversos restaurantes. Por suas viagens na Europa, comenta que ouviu comentários sobre como a cozinha precisava de gente forte e, muitas vezes, questionários se aquele uma mulher seria forte o suficiente. Heaven mostrou que sim.</p> <p>De volta ao Brasil, liderou um restaurante em Florianópolis, o Starck, entrou no mundo televisivo como apresentadora e, em 2018, foi convidada para participar do MasterChef 3ª edição Profissionais.</p> <p>Uma das grandes características da Heaven é sua capacidade de misturar o sabor de nacionalidades diferentes, muito por sua bagagem gastronômica.</p> <h2>Irina Cordeiro</h2> <p>A nordestina Irina nasceu e cresceu em Natal, em uma família em que as mulheres eram as principais responsáveis pela renda de casa. Sua avó, fonte de inspiração para ela, sustentou sete filhos cozinhando.</p> <p>Tentou o curso de Direito, mas não se encantou. No intercâmbio à Itália, realizou cursos de enologia e se apaixonou por vinhos e harmonizações. Quando retornou ao Brasil, decidiu cursar gastronomia e se dedicar ao mundo da culinária.</p> <p>Uma das causas mais defendidas pela Irina é a cozinha mais humanizada. Justamente por ser um ambiente muitas vezes hostil, de horas de trabalho em pé, ela acredita que há possibilidade de um local harmonioso e com afeto &#8211; um dos grandes ensinamentos de sua avó.</p> <p>Sempre com ingredientes brasileiros, a chef nordestina viaja o país buscando trazer sempre um sabor novo à mesa. É influenciadora e serve de inspiração, principalmente, às mulheres que estão na jornada de se tornarem grandes chefs de cozinha.</p>

Compartilhe esse conteúdo:

Talvez você se interesse também

A receita exclusiva de Brownie de chocolate e menta

<p>É bolo? É biscoito? É brownie! Aprenda a fazer a icônica sobremesa norte-americana com uma receita imperdível e exclusiva Tastemade.</p>

Bolo de caneca e mais 4 opções deliciosas para fazer no micro-ondas

<p>Antes de recorrer ao delivery ou comida congelada: o que acha de usar sua caneca preferida para uma refeição individual e rápida?</p>

Pizza de pão de forma e mais 4 receitas divertidas para fazer com as crianças

<p>Pizza de pão de forma ou baked potato &#8211; confira receitas incríveis para fazer com as crianças. Ensine seu mini chef com muita brincadeira e divirtam-se!</p>